Segurança Física de Instalações: O que é? Conceitos, Definições, Teoria Geral

Segurança Física de Instalações: O que é? Conceitos, Definições, Teoria GeralA Segurança Física de Instalações é definida como sendo as medidas de segurança adotadas explorando se os meios físicos e tecnológicos disponíveis, utilizando-os como barreiras físicas de proteção a um perímetro de segurança previamente delimitado, a fim de administrar o acesso e protege-lo contra ocorrências indesejáveis.

O que é Segurança Física?

A segurança física é o uso de barreiras físicas e tecnológicas que se apresentam como um obstáculo a progressão física de um indivíduo, seja por impedimento físico ou por detecção e denuncia de sua presença, como ocorre com os sistemas de alarme.

A segurança física de instalações visa a “prevenir o acesso não autorizado, danos e interferências contra nas instalações.

Segurança Física compreendem todas as atividades, medidas e procedimentos que possibilitem a limitação e controle  sobre a circulação ou acesso a uma área.

Quais os Conceitos de Segurança Física?

A segurança física é a parte da segurança relacionada com as medidas destinadas a impedir o acesso não autorizado a pessoal, equipamento, instalações, informações, e para protegê-los contra sinistros, espionagem, sabotagem, terrorismo e danos.

Visando a sua proteção e de seus bens, o ser humano criou e aprimorou elementos de segurança física de instalação ao longo da sua existência.

Indícios históricos evidenciam que a origem da segurança física é tão antiga quanto o próprio raça humana.

Começando com o uso de cavernas, passando por cidades muradas, castelos cercados por fosso e muralhas, chegando a segurança dos condomínios da atualidade.

Na atualidade as opções de segurança física são diversas, envolvendo barreiras físicas com dispositivos de segurança, modernos sistemas de alarmes e videomonitoramento, monitorados por softwares de segurança capazes de identificar e dar alarmes em casos de situações suspeitas.

Recurso Eletrônico da Segurança Física Instalações
O que faz a Segurança Física de Instalações?

A segurança física de instalações emprega medidas físicas de proteção e procedimentos de segurança combinados com sistemas ativos ou passivos, tecnologias, dispositivos e pessoal de segurança usado para proteger a organização e seus ativos de ameaças potenciais.

Quais os objetivos da Segurança Física?

A implantação das medidas de segurança física de instalações tem os seguintes objetivos:

 Dissuadir

Induzir um potencial invasor a mudar a intenção de acessar ao local protegido, devido a dificuldade de ultrapassar as barreiras de segurança existentes e/ou da possibilidade de sua tentativa de acesso ser percebida pela segurança do local.

Impedir

Impossibilitar o acesso do agressor ao local protegido através das sucessivas barreiras de segurança, que por suas características tornam sua transposição inviável.

Detectar

Capacidade de identificar e dar alarmes sobre tentativas de acessos não autorizados ao local protegido.

Retardar

Através de sucessivas barreiras de segurança, dificultar o acesso, tornado o demorado, de forma a permitir a intervenção da vigilância patrimonial em tempo hábil para controle da situação.

Quais são as Medidas de Segurança Física?

As medidas de segurança física, podem ser classificadas quanto aos meios utilizados na execução da segurança e a forma de atuação dos meios empregados.

Classificação Quanto aos Recursos Utilizados

 

Recurso  Organizacional (Medidas Administrativas)

Planos táticos e operacionais segurança física
São as medidas administrativas necessárias para a organização e o funcionamento da segurança física de instalações, dentre elas podemos citar:

O objetivo principal é estabelecer regras de funcionamento, comportamento e convivência, e atribuir autoridade e  responsabilidades em relação a segurança do local a ser protegido.

A burocracia se faz necessária para organizar e formalizar ações e medidas de segurança a serem adotadas.

Recursos Humanos

Recursos Humanos Segurança Física
Compreende os profissionais da segurança privada responsáveis pelo planejamento, implantação e execução de todas as medidas de segurança possíveis para o local a ser protegido, dentre eles podemos citar:

Recurso Material

Recursos Materiais Segurança Física
Compreende os equipamentos e meios disponibilizados para o efetivo exercícios das atividades  da segurança física.

Quanto mais e melhor equipada uma equipe de segurança melhor tende a ser o trabalho prestado.

Um projeto de segurança física  deve prever e dimensionar os recursos materiais mínimos necessários para possibilitar o desempenho esperado da equipe de segurança.

Recurso Animal

Cão de Guarda na Segurança Física
Podemos definir recurso animal como o  emprego de animais, de acordo com suas características e habilidades, na atividade de segurança patrimonial da organização.

Tem como objetivo potencializar as ações da segurança física de instalações.

Recurso Tecnológico

Recursos Tecnológicos Segurança Física
Compreende os mordemos aparatos da Segurança Eletrônica existentes na atualidade.

A maioria dos sistema de segurança, física na atualidade, fazem uso de algum tipo de recurso da segurança eletrônica.

Classificação Quanto a Forma de Atuação

Medidas Passivas

As medidas  passivas  são medidas de segurança física que se caracterizam por serem estáticas.

As medidas passivas não reagem a uma agressão ou violação de espaço, não atuam de forma automática.

Como exemplo podemos citar um alambrado, que ao ser cortado ou pulado por um invasor não esboça nenhuma reação para impedir ou alertar sobre o acesso

As medidas passivas sempre dependem da ação humana.
Recurso de Segurança Física
Por exemplo, um portão trancado com cadeado, para ser acessado requer um vigilante que identifique a necessidade e autorização para acesso e que efetue seu destrancamento.

Medidas Ativas

São aquelas medidas de segurança que tem uma ação automática e programada de acordo com a ocorrência identificada.

As medidas ativas reagem automática a um evento.

Controle de Acesso Segurança Física

Uma catraca de controle de acesso, que ao se passar um crachá de acesso, faz uma consulta em um banco de dados, verifica a autorização de acesso e se estiver tudo certo libera o acesso.

Podemos citar também um sensor de presença , que ao ter seu espaço violado emitem um sinal de alerta.

Medias de Inteligência

São Atividades de Inteligência  adotadas em caráter preventivo, dentre elas podemos citar:

O que é Perímetro de Segurança Física?

Perímetro de segurança física, compreende a linha que contorna  a área a ser protegida e delimita a área interna e área externa.

A delimitação do perímetro de segurança é feita por barreiras físicas que evidenciam os limites de acesso.

Características do Perímetro de Segurança Física

  • O perímetro de segurança é a primeira linha de defesa;
  • O tipo de barreira física a ser utilizada no perímetro dependerá do que se pretende proteger;
  • A quantidade de pontos de acesso do perímetro deve ser a menor possível;
  • Para permitir a visualização de invasores, os dois lados do perímetro deverão estar limpos, sem obstáculos;
  • Deve existir um espaço vazio de 6 metros entre a barreira de perímetro e as estruturas de exterior, e de 15 metros entre a barreira de perímetro e as estruturas internas;
  • Quando se fizer necessário, poderão ser adotadas 2 barreiras físicas no perímetro separadas entre si por uma distancia de 5 metros;
  • A escolha da barreira de proteção para o perímetro dependerá do resultado da análise de riscos do local.
Perímetro na Segurança Física
Exemplo perímetro segurança

O que são Barreiras Físicas de Proteção?

Para garantir a segurança de um perímetro a  segurança física utiliza um combinado de barreiras físicas.

Cada barreira tem um propósito específico, que pode incluir barreiras naturais e barreiras estruturais.

O principal propósito da barreira física é o de desencorajar  a tentativa de entrada não autorizada no perímetro de segurança.

Para ser eficiente a barreira de proteção deve basear se no princípio da defesa em profundidade.

Várias barreiras físicas em torno do local a ser protegido, de forma que se uma falhar ou for ultrapassada uma outra possa manter o local protegido seguro. Teoria dos círculos concêntricos.

Barreiras Físicas Naturais

As barreiras físicas naturais são os obstáculos que a própria natureza oferece.

Podem ser as características geográficas do local ou também a utilização de vegetações com características específicas.

Como características geográficas do local, podemos citar:

Encostas, rios, pântanos, alagadiços ou  qualquer outra situação geográfica que dificulte a aproximação ou passagem de  um indivíduo.

Barreira Natural aplicada a Segurança Física
Exemplo de Barreira Natural

A utilização de vegetações como barreira física é muito comum na atualidade, são as chamadas cercas vivas.

Elas podem ser utilizadas com vários objetivos:

  • impedir e dificultar  o acesso;
  • impedir e dificultar visibilidade ao local protegido;
  • finalidade acústica.

Na segurança física de instalações, o objetivo principal da cerca viva  é impedir o acesso, isso requer plantas com características específicas para essa finalidade.

Elas devem ser altas, largas e espessas e preferencialmente possuir espinhos, como exemplo da coroa de cristo e sansão do campo.

Cerca viva como segurança Física
Cerca Viva

Barreiras Físicas Estruturais

As barreiras físicas estruturais são as estruturas, geralmente em alvenaria, ferro ou madeira, construída pelo homem para delimitar e controlar o acesso a um determinado perímetro.

Podemos citar como exemplo: muros, cercas arame farpado, alambrados, portões, portarias etc.

Geralmente utiliza se uma combinação desses meios: cerca se uma área, com muros e/ou alambrados e em pontos determinados instala se portões e/ou portarias para o controle e administração dos acessos.

Cerca de alambrado como medida segurança física
Cerca de Alambrado

Barreiras Tecnológicas

Podemos conceituar as barreiras tecnológicas, como sendo o emprego dos diversos equipamentos de segurança eletrônica disponíveis na  atualidade para a detecção, controle e monitoramento de acessos um determinado local.

Atualmente é impossível pensar em segurança física e não se pensar em sensores de presença, circuito fechado de TV e alarmes, eles são essenciais  e  primordiais a qualquer sistema de segurança do mais simples aos mais complexos.

Os mais comuns são: sensores de presença, sensores de porta, alarmes incêndio e circuito fechado de TV.

Sistemas de Alarmes Segurança Física
Sistema de Alarmes

O que é Controle de Acesso?

Podemos conceituar  controle de acesso como a atividade de administrar (identificar, bloquear, liberar, acompanhar e  registrar) os acessos  de pessoas e bens materiais a um local de um  ponto previamente estabelecido.

O controle de acesso são medidas de segurança física de instalações que visam a restrição de acesso a um determinado local controlado.

O controle de acesso envolve o uso de portas, portões,  cancelas, catracas, chaves, trancas, guardas, crachás, cercas e etc.

Além da aplicação de políticas, normas e procedimentos de conduta e segurança.

Os investimentos no controle de acesso físico estarão diretamente ligados à importância dos bens a serem protegidos e das ameaças identificadas,  observando sempre a relação custo/beneficio.

Controle de Acesso Eletrônico Segurança Física
Sistema eletrônico controle acesso físico

Conclusão

A segurança física tem uma importância muito grande nas Atividades de Segurança Privada, pois ela esta envolvida em todos os seus seguimentos:

Na vigilância patrimonial, segurança pessoal, escolta armada, transporte de valores, segurança em grande eventos e etc.

A eficiência na gestão da segurança privada depende de um bom conhecimento sobre os fundamentos e conceitos da segurança física.

O planejamento e o emprego da segurança física deve ser realizado após uma criteriosa identificação, análise e avaliação de risco.

Onde deve se identificar as fraquezas, ameaças potenciais e os riscos a que estão exposto o bem a ser protegido, de forma a possibilitar o emprego dos recursos mais adequadas a cada situação.

Os recursos financeiros a serem empregados e os gastos com as medidas de segurança física devem ser coerentes e compatíveis com o valor do bem a ser protegido, e também devem ser proporcional ao risco identificado.


➡  Deixe seu comentário logo abaixo, de sua opinião e contribua com o artigo.

➡  Se gostou, curta e compartilhe as publicações com seus colegas pelas redes sociais.

As atitudes acima (comentar, curtir e compartilhar) nos ajudam a manter o Blog e a continuar as publicações de artigos de forma gratuita para todos.  😆

Forte abraço e sucesso na sua vida e carreira profissional!

José Sérgio Marcondes – Autor Artigo


Referências Bibliográficas

FISCHER, Robert J., GREEN, Gion. Introduction to Security. 6ed. Newton, Massachusetts: Butterworth-Heinemann, 1998.

PURPURA, Philip P. Security and Loss Prevention. 3ed. Newton, Massachusetts: ButterworthHeinemann, 1998.

SENNEWALD, Charles A. Effective Security Management. 3ed. Newton, Massachusetts: Butterworth-Heinemann, 1998.

BINTLIFF, Russell L. The Complete Manual of Corporate and Industrial Security. 1ed. Englewood Cliffs, New Jersey: Prentice Hall, 1992.

Cadastre-se gratuitamente e receba notificações sobre novas publicações. Junte-se aos mais de 10.000 inscritos.

Site Seguro e 100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário...

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

17 Comentários

  1. Gostei muito foi bastante esclarecedor!

  2. Francisco Cunha disse:

    Bom dia, parabéns aos criadores do Site.
    Eu gostaria de fazer contato com um dos desenvolvedores das matérias, pois estou em processo de construção de uma monografia na área da segurança física, mas estou com poucos materiais para fazer um bom referencial teórico.
    Desde já agradeço.

    • José Sérgio Marcondes disse:

      bom dia Francisco!
      Estarei entrando em contato com você pelo e-mail cadastrado.
      Forte abraço e sucesso na carreira.

      José Sérgio Marcondes

      • Francisco disse:

        Obrigado irmão.
        Estou precisando mesmo de alguns materiais para eu colocar em minha produção acadêmica. Se tiver livros, artigos que você produziu, o outro material sobre segurança física, ajudaria muito.
        Estou aguardando o contato la no email.

  3. Claudia T. disse:

    Excelente conteúdo, esclarecedor.
    Obrigada !

    • José Sérgio Marcondes disse:

      Ola Claudia!

      Obrigado pelo seu comentário, ele é muito importante para mim,a opinião dos leitores ajuda a melhor a qualidade dos trabalhos publicados.

      Forte abraço e sucesso na sua carreira profissional.

  4. Luzia Costa disse:

    Uma disciplina que gosto bastante, só tirei notas boas….

    • José Sérgio Marcondes disse:

      Olá Luzia Costa!
      A segurança física é realmente um disciplina gostosa de estudar.
      Forte abraço e sucesso na sua carreira profissional.

  5. nuno miguel borges moreira soares disse:

    bem feito gostei, bom trablho

  6. Alfredo Macedo disse:

    Bom dia,
    Muito bom estou preparando uma analise de risco para empresa que trabalho, o conteúdo acima esclareceu muitas duvidas.

    • José Sérgio Marcondes disse:

      Olá Alfredo Macedo!
      Obrigado pelo seu comentário.
      Fico muitos feliz em saber que o conteúdo do artigo foi útil pra você.
      Forte abraço e sucesso na sua carreira!

  7. René disse:

    Muito bom os conteúdos !

  8. JOSE WALTER DA SILVA SOUZA disse:

    Parabéns pelo o comentário… Com certeza ele vai me ajudar mais ainda no meu campo de conhecimento na área de segurança!