Home / Conceitos Segurança Física / Medidas de Segurança Física – O que são? Conceitos e Exemplos

Medidas de Segurança Física – O que são? Conceitos e Exemplos

Medidas de Segurança Física - O que são? Conceitos e ExemplosO Que São Medidas de Segurança Física?

As Medidas  de Segurança Física podem ser definidas como sendo um conjunto de ações técnicas, administrativas ou operacional, planejadas, elaboradas e implementadas com o objetivo de proporcionar proteção física as pessoas e bens de uma organização.

As medidas de segurança física são medidas proteção adotadas em um perímetro de segurança previamente delimitado, ou bem a ser protegido, com a finalidade de controlar e administrar o acesso ao referido perímetro ou bem.

Objetivos das Medidas de Segurança Física

As medidas de segurança física têm por objetivo principal implementar o conceito de perímetro de  segurança, oferecendo níveis de segurança e proteção complementares e  crescentes.

As medidas de segurança física tem a finalidade de desencorar, dificultar, descriminar, detectar e deter o acesso físico indevido.

1 – Desencorajar

Cumpre o papel inicial de desestimular o agressor potencial.

Visa desencorajar ou levar os invasores  a perderem o interesse em atacar o alvo pela existente explicita de medidas de segurança física.

A presença ostensivas de câmeras de segurança, alarmes, barreiras físicas, são exemplos de medidas desencorajadoras.

2 – Dificultar

As medidas de segurança física por meio da mecanismos e controles visam a dificultar o  acesso indevido.

Como exemplo, pode-se citar os dispositivos de autenticação para acesso físico, como roletas, detectores de metal e alarmes, senhas etc.

3 – Descriminar

Com estas medidas, busca-se cercar de recursos que permitam identificar e gerir os acessos definindo perfis e autorizando permissões.

A descriminação visa identificar e checar autorizações de acessos a ambientes específicos, para pessoas credenciadas para tal.

4 – Detectar

Essas medidas buscam munir a segurança de dispositivos que sinalizem e alertem sobre tentativas de invasão.

5 – Deter

Esta medida de segurança tem como objetivo impedir que a ameaça atinja os recursos sensíveis da organização.

O acionamento desta medida, colocando em ação os meios de pronta resposta a ameças, que envolve na maior partes das vezes vigilantes treinados e equipados para essa finalidade.

Classificação das Medidas de Segurança Física

As medidas de segurança para efeito didático pode ser dividida em:

A – Quanto aos recursos utilizados

a) Vigilância Patrimonial

A atividade  de vigilância patrimonial é a  atividade exercida em eventos sociais e dentro de estabelecimentos, urbanos ou rurais, públicos ou privados, com a finalidade de garantir a incolumidade física das pessoas e a integridade do patrimônio.

A atividade vigilância patrimonial deve  ser desenvolvida por vigilantes qualificados e credenciados junto a Polícia Federal.

A Vigilância Patrimonial se caracteriza pela sua ostensividade, onde o emprego do vigilante são identificados de relance, quer pelo uniforme, quer pelos equipamentos ou veículo utilizados ou pela metodologia de ação adotada.

b) Medidas Organizacionais

São medidas táticas que envolvem a composição e distribuição do efetivo da segurança (recursos humanos), e também, envolve a atribuição de atividades e responsabilidades referente a segurança física da organização.

Envolvem a estrutura organizacional da segurança e a política de segurança física pretendida.

Estabelece diretrizes e objetivos para a segurança física da organização e geralmente são contempladas no planejamento tático.

c) Medidas Administrativas

São as medidas necessárias para o bom funcionamento e organização da segurança física.

Como exemplo de medidas administrativas podemos citar:

O objetivo principal é estabelecer regras de comportamento e convivência, e atribuir autoridade e responsabilidades.

A burocracia se faz necessária para formalizar ações e medidas de segurança a serem adotadas.

d) Barreiras Físicas

Barreiras físicas são obstáculos naturais ou artificiais que podem ser utilizados para impedir ou dificultar o acesso a um determinado perímetro de segurança.

  • Barreiras Físicas Naturais: Rios, lagos, alagadiço, vegetação, encostas e etc.
  • Barreiras Físicas Artificias:  Muros, alambrados, cercas, guaritas, portarias e etc;

e) Medidas  Tecnológicas

Podemos chamar de medidas tecnológicas, todos os recursos de segurança eletrônica disponíveis, tais como:

B – Quanto a Forma de Atuação

Quanto a forma de atuação, as medidas de segurança física, podem ser divididas em:

a) Medidas Passivas

São medidas de segurança que se caracterizam por serem estáticas.

As medidas passivas não reagem a uma agressão ou violação de espaço, não atuam de forma automática.

São exemplos de medidas passivas: alambrados, muros, portões e   etc.

b) Medidas Ativas

São aquelas medidas de segurança que tem uma ação automática e programada de acordo com a ocorrência identificada.

As medidas ativas reagem automática a um evento.

São exemplos de medidas ativas: vigilante, sensores detectores de presença, catracas eletrônicas e  etc.

c) Medias de Inteligência

São Atividades de Inteligência adotadas em caráter preventivo, tais como:

  • Análise de Riscos;
  • investigações atitudes de suspeitas, denuncias e ocorrências;
  • monitoramento de ações criminosas e etc.

Contribua com o artigo deixando seu comentário logo abaixo, ele é muito importante para o “Nosso Blog”!

Curta e compartilhe as publicações com seus colegas pelas redes sociais, assim estará colaborando para o fortalecimento e reconhecimento da importância da área de segurança.

Navegue em “Nosso Blog” e descubra outros artigos interessantes e úteis para o seu aprimoramento.

Obrigado pela visita e sucesso na sua carreira profissional!

José Sérgio Marcondes – Autor Artigo

 

Sobre José Sérgio Marcondes

Especialista em Segurança Privada – CES
Consultor em Segurança Privada

Deixe um comentário...

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.