Extintores de Incêndio Portáteis – Combate Princípio de Incêndio

Extintores de Incêndio Portáteis1. O que  são extintores de incêndio portáteis?

Os agentes extintores de incêndio portáteis são recipientes que contem substâncias (sólidas, liquidas ou gasosas) , que  podem ser utilizados no combate e extinção de princípios de incêndios através dos métodos de resfriamento ou abafamento.

A finalidade dos extintores de incêndio portáteis é realizar o combate imediato e rápido em pequenos focos de incêndio.

Sendo assim, o extintor não deve ser considerado como substituto de sistemas de extinção mais complexos, mais sim, como equipamento adicional.

É fundamental que o brigadista entenda a diferença entre os tipos de extintores de incêndio portáteis e saiba como e  quando deve utilizá-los em situações de incêndio.

[ads1]

Cabe ressaltar que, a aplicação dos extintores de incêndio portáteis em princípio de incêndio não deve justificar qualquer demora no acionamento no sistema de alarme geral e na mobilização de maiores recursos, mesmo quando perecer que o fogo pode ser dominado rapidamente.

2. Quais são os tipos de extintores de incêndios portáteis?

2.1 Extintor de incêndio tipo Aguá

Extintor de incêndio do tipo carga de água é aquele cujo agente é a água expelida por meio de um gás.

Este tipo de extintor não pode e não deve ser usado em eletricidade em hipótese alguma. Coloca em risco a
vida do operador.

Quanto à operação eles podem ser:

2.1.1 Água Pressurizada

É aquele que possui apenas um cilindro para a água e o gás expelente.

Sua carga é mantida sob pressão permanente.

 

2.1.2 Água-gás

É aquele que possui uma câmara, um recipiente de água e um cilindro de alta pressão, contendo o gás expelente.

A pressurização só se dá no momento da operação.

Os extintores de água, são aparelhos destinados a extinguir pequenos focos de incêndio Classe “A”, como por exemplo em madeiras, papéis e tecidos.

2.2 Extintor de incêndio tipo espuma química

Indicado para princípios de incêndio na Classe “B”, também podendo ser utilizado para combater um incêndio de Classe “A”, porém com menor eficácia.

Neste tipo de aparelho extintor, o cilindro contém uma solução de água com bicarbonato de sódio mais o agente estabilizador.

A solução de sulfato de alumínio é colocado em um outro recipiente que vai internamente no cilindro, separando a solução de bicarbonato de sódio e alcaçuz.

Este tipo de extintor não pode e não deve ser usado em eletricidade em hipótese alguma, pois coloca em risco a vida do operador.

2.3 Extintor de incêndio tipo gás  carbônico

É um gás inerte, sem cheiro e sem cor.

Devido à sua capacidade condutora ser praticamente nula, o CO2 é muito usado em incêndios de Classe “C”.

A sua forma de agir é por abafamento, podendo também ser utilizado nas classes A (somente no seu início) e B (em ambientes fechados).

Observação: Como atua por abafamento, o CO2 deve ser aplicado de forma homogênea e rápida, pois dissipa-se com muita facilidade.

2.4 Extintor de incêndio tipo pó químico

Os extintores com pó químico, utilizam os agentes extintores bicarbonato de sódio (o mais comum) ou o bicarbonato de potássio.

Especialmente indicado para princípios de incêndio das Classes B e C.

O extintor de pó químico pressurizado utiliza como propelente o nitrogênio, que, sendo um gás seco e incombustível, pode ser acondicionado com o pó no mesmo cilindro.

O extintor de pó químico a pressurizar, utiliza como propelente o gás carbônico (CO2), que, por ser um gás úmido, vem armazenado em uma ampola de aço ligada ao extintor.

2.5 Extintor de incêndio multiuso (ABC)

É o extintor mais moderno do mercado, que atende a todas as classes de ABC.

O pó especial é capaz de combater princípios de incêndio em materiais sólidos, líquidos

inflamáveis e  equipamentos energizados.

Normalmente é utilizado em veículos automotores.

3. Manutenção

Os agentes extintores de incêndio portáteis devem passar regularmente por inspeções e manutenção conforme critérios descritos em normas ABNT’s  especificas.

4. Dimensionamento

O quantidade especifica de extintores numa determinada edificação é dimensionada por normas da ABNT e Copros de Bombeiros Governamentais.

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Curta e compartilhe as publicações com seus colegas pelas redes sociais, assim estará colaborando para o fortalecimento e reconhecimento da importância da área de segurança.

Navegue em “Nosso Blog” e descubra outros artigos interessantes e úteis para o seu aprimoramento.

Obrigado pela visita e sucesso na sua carreira profissional!

José Sérgio Marcondes – Autor Artigo

[ads2]

5. Referencia bibliográfica

BRASIL-PARANÁ-COORDENADORIA ESTADUAL DE DEFESA CIVIL (2013). MANUAL DE PREVENÇÃO E COMBATE A PRINCÍPIOS DE INCÊNDIO.2

Bombeiros SP, C. d. (s.INSTRUÇÃO TÉCNICA Nº 02/2011 Conceitos básicos de segurança contra incêndio. Acesso em 25 de 10 de 2017, disponível em Corpo de Bombeiros POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO.

Sobre o autor | Website

Especialista em Segurança Privada - CES Consultor em Segurança Privada

Cadastre-se gratuitamente e receba notificações sobre novas publicações. Junte-se aos mais de 10.000 inscritos.

Site Seguro e 100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário...

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Seja o primeiro a comentar!