Home / Administração / Análise Preliminar de Risco (APR) – Ferramenta Gestão de Riscos

Análise Preliminar de Risco (APR) – Ferramenta Gestão de Riscos

Análise Preliminar de Risco (APR) O que é Análise Preliminar de Risco (APR) ?

A sigla ” APR” significa Análise Preliminar de Risco, que corresponde a uma técnica de avaliação prévia dos riscos presentes na realização de uma determinada atividade. Análise Preliminar de Risco (APR) é  um estudo realizado na fase de concepção ou inicio de um novo sistema ou processo\atividade, com o objetivo de determinar os riscos que podem estar presentes na fase operacional do processo\atividade.

A Análise Preliminar de Risco (APR) é muito utilizada no dia-a-dia dos profissionais da segurança do trabalho, e acredito que seja  aplicável e muito útil também para área de segurança patrimonial.

É uma técnica de avaliação prévia (preliminar) dos riscos presentes na realização de uma determinada atividade.

A Análise Preliminar de Risco (APR) surgiu na área militar, para análise de riscos na produção  de  sistemas de mísseis, a fim de evitar acidentes.

Trata-se de uma análise onde se identificam eventos indesejáveis, suas causas, consequências e salvaguardas.

A análise visa a identificação dos riscos existentes para as pessoas, o meio ambiente, o patrimônio, a continuidade operacional e a imagem da empresa.

Objetivos da Análise Preliminar de Risco (APR)

Entre os principais objetivos da Análise Preliminar de Risco (APR) estão: 

  1. Identificar causas de riscos e os riscos propriamente ditos;
  2. Estabelecer medidas de salvaguarda;
  3. Orientar colaboradores sobre riscos existentes em suas atividades;
  4. Estabelecer procedimentos seguros;
  5. Prevenir  a ocorrência de acidentes e concretização de ameaças a segurança.
  6. Redução dos riscos e dos gastos expressivos além do planejamento.

Conceitos básicos sobre Análise Preliminar de Risco 

Perigo

Propriedade ou capacidade intrínseca de um componente do trabalho (materiais, equipamentos, métodos e práticas de trabalho) potencialmente causadora de danos.

Causa

Origem de caráter humano ou material relacionado com o evento catastrófico (acidente), pela materialização de um risco que resulte em danos.

Ameaça

Qualquer indicação, circunstância ou evento, com potencialidade de causar perdas ou danos a um ativo da organização. Poderá ser definida também, como a intenção ou capacidade de um adversário empreender ações nocivas ou danosas aos interesses da organização.

Vulnerabilidade

Qualquer fraqueza da segurança patrimonial que possa ser explorada por uma ameaça, e que cause perda ou dano a um ativo da organização.

Risco

 Resultado da possibilidade de um perigo ou ameça vir a causar danos ou perdas para as pessoas ou para organização.

Dano

Severidade da lesão ou perda física, funcional ou econômica resultante da perda de controle sobre um risco.

Perda

Prejuízo sofrido por uma organização sem garantia de ressarcimento por seguro ou outros meios.

Como elaborar uma Análise Preliminar de Risco 

A Análise Preliminar de Risco (APR) deve ser sempre desenvolvida com a participação dos colaboradores.

Para a elaboração de uma boa Análise Preliminar de Risco (APR) , é recomendável sempre buscar o máximo de informações possíveis sobre a atividade a ser executada.

Deve ser inclusive, realizado uma visita ao local de execução, quando possível, com objetivo de melhor compreensão das características físicas do local.

A Análise Preliminar de Risco (APR) , é realizada mediante a listagem dos riscos associados a atividade, cada risco é identificado, e as causas em potencial, os efeitos e a gravidade, bem como as possíveis medidas corretivas ou preventivas, são também descritas.

Etapas da Análise Preliminar de Risco

A Análise Preliminar de Risco (APR) deve incluir as seguintes etapas:

  1. identificação dos perigos e ameças;
  2. Identificação do risco potencial;
  3. Identificação das  causas e vulnerabilidades;
  4. Identificação de pessoas e bens potencialmente expostos aos riscos resultantes;
  5. Estimativa dos danos e efeitos;
  6. Análise qualitativa do risco;
  7. Implementação  das medidas  preventivas e de controle do riscos.

Modelo de planinha para Análise Preliminar de Risco

A realização da Análise Preliminar de Risco (APR) propriamente dita é feita através do preenchimento de uma planilha para cada etapa do processo.

O modelo de planilha adotada para a realização da APR, pode variar de uma organização para  outra, de acordo com suas  necessidades  e particularidades.

A seguir, anexei um modelo básico  de planilha para Análise Preliminar de Risco (APR), que deverá atender a necessidade da maior parte  das organizações.

A planilha anexa é composta de 11 campos, que devem ser preenchidos conforme  dados obtidas  no ato da  realização da APR.

  1. Data;
  2. Local/Atividade 
  3. Responsável
  4. Participantes
  5. Item
  6. Perigo/Ameaça
  7. Risco;
  8. Causas/Vulnerabilidade;
  9. Danos/Efeito;
  10. Classificação dos risco;
  11. Medias Preventivas.

Modelo de planinha para Análise Preliminar de Risco (APR)

Conclusão

A Análise Preliminar de Risco (APR) , diferente do Processo Identificação, Análise e Avaliação de Riscos, deve ser simples, prática e objetiva, e deve ser realizada sempre no inicio de uma atividade. Deve ser uma prática diária e rotineira.

A Análise Preliminar de Risco (APR) força a uma reflexão sobre a atividade que irá ser executa, sob o ponto de vista da segurança das pessoas, dos bens e dos  processos.

Análise Preliminar de Risco visa a implementação de medidas  preventivas de segurança e controle sobre riscos potenciais existentes nas atividades e processos.

Na atualidade, devido a correria, cobranças de metas e automatização  das  atividades, raramente se faz uma análise detalhada do que se está fazendo, o por que se está fazendo e quais os riscos do que está sendo feito.

Ao se investigar um acidente ou evento criminoso, observa se, frequentemente,  que o acidente ou o evento, poderia ser evitado ou ter seus danos e efeitos amenizado, se fossem adotados algumas medidas preventivas no inicio das atividades.

 

Contribua com o artigo deixando seu comentário logo abaixo, ele é muito importante para o “Nosso Blog”!

Curta e compartilhe as publicações com seus colegas pelas redes sociais, assim estará colaborando para o fortalecimento e reconhecimento da importância da área de segurança.

Navegue em “Nosso Blog” e descubra outros artigos interessantes e úteis para o seu aprimoramento.

Obrigado pela visita e sucesso na sua carreira profissional!

José Sérgio Marcondes – Autor Artigo

Sobre José Sérgio Marcondes

Especialista em Segurança Privada – CES
Consultor em Segurança Privada

5 Comentários

  1. Excelente artigo,

  2. valmir passacantando

    ótima esta matéria sobre Analise Preliminar Risco,obrigado.

Deixe um comentário...

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.