Home / Conceitos Segurança Privada / Política de Segurança Patrimonial: Conceitos, Objetivos e Diretrizes

Política de Segurança Patrimonial: Conceitos, Objetivos e Diretrizes

Política de Segurança Patrimonial O que é Política de Segurança Patrimonial?

A Política de Segurança Patrimonial é uma declaração formal da Direção da empresa acerca de seu compromisso com a segurança patrimonial da organização.

A  Política de Segurança Patrimonial são diretrizes orientadoras que balizam as ações e comportamentos para o atingimento das metas e objetivos estabelecidos para a segurança patrimonial da organização.

São orientações formais que facilitam e servem de base para a tomada de decisões em qualquer nível dentro da organização nos assuntos que se relacionem com a segurança patrimonial.

As políticas organizacionais geralmente refletem um objetivo e orientam as pessoas em direção a esse objetivo em situações que requeiram algum julgamento.

A Política de Segurança Patrimonial deve ser desenvolvida no planejamento tático da segurança patrimonial e seguir diretrizes estabelecidos no planejamento estratégico da organização.

Objetivos da Política de Segurança Patrimonial

  • Explicitar a visão e comprometimento da alta direção da organização em relação à segurança patrimonial;
  • Definir o escopo da segurança patrimonial na organização;
  • Possibilitar a adoção de medidas de segurança compartilhadas e integradas, de maneira a formar as bases fundamentais para a gestão da segurança patrimonial;
  • Estabelecer princípios e diretrizes, delegar atribuições e responsabilidades e servir de referência para auditorias, apurações e avaliações de responsabilidades.

Conteúdo Básico da Política de Segurança Patrimonial

1. Conceitos e definições

Tem como objetivo padronizar os  termos, conceitos e definições nos assuntos e práticas relacionados a segurança patrimonial na organização.

2. Princípios e fundamentos

Descreve os princípios e fundamentos que orientam e norteiam as atividades da segurança patrimonial. E expressam a importância que a organização da para segurança patrimonial.

3. Diretrizes Gerais

Conjunto de diretrizes de segurança que visam expressar de forma sucinta o funcionamento, a estrutura, a autoridade e a dinâmica da segurança patrimonial na organização.

4. Política de Segurança de Pessoal

Conjunto de diretrizes de segurança, a serem observadas e aplicadas em relação ás pessoas, e necessárias para o  bom funcionamento da segurança patrimonial.

Tem como objetivo

  • Orientar o processo de admissão e acesso de pessoas na organização;
  • Orientar e capacitar todo o pessoal envolvido na realização de trabalhos da organização, a adoção de medidas de segurança compatíveis com a natureza da função que desempenham;
  • Prevenir e neutralizar ações sobre as pessoas que possam comprometer a segurança da organização;
  • Reduzir os riscos de erros humanos e crimes contra o patrimônio (furto, roubo, apropriação indébita, fraude) ou uso não apropriado dos ativos da organização.

5. Política de Segurança Física de Instalações

Conjunto de diretrizes com finalidade de orientar as medidas e praticas de segurança física de instalações.

Tem como objetivo:

  • proteger os ativos da organização contra acessos não autorizados, atos antissociais (furto, roubo, sabotagem e etc.) e
  • sinistros (incêndios, explosões, alagamentos e etc.).

6. Política de Proteção da Informação Empresarial Sensível

Conjunto de diretrizes com a finalidade de salvaguardar dados, informações, documentos, materiais, produtos, áreas e instalações sensíveis contra acessos e manuseios não autorizados.

7. Política de Gestão da Segurança Patrimonial

Conjunto de diretrizes com finalidade de orientar os processos de gestão da segurança patrimonial no atingimento dos seus objetivos de forma eficiente.

8. Política de Administração de Crises

Conjunto de diretrizes com finalidade de orientar as ações em situações de emergência no que se refere a segurança patrimonial da organização, com o objetivo de dar continuidade aos negócios da organização o mais breve possível.

9. Atribuições e Responsabilidade

Conjunto de diretrizes com finalidade de atribuir atividades e responsabilidades a todos os colaboradores da organização, de acordo com seus cargos e funções, no que se refere a segurança patrimonial da organização.

 9.1 Dos Diretores

9.2 Dos Gerentes e  Gestores

9.3 Depto de Segurança Patrimonial

9.4 Gestor de Segurança Patrimonial

9.5 Dos Vigilantes

9.6 Dos Colaboradores

9.7  Das Empresas prestadoras de serviço

9.8 Dos Fornecedores

A política de segurança patrimonial facilita a delegação de autoridade e responsabilidades na segurança patrimonial da organização.

A política de segurança patrimonial favorece a descentralização de poder e de decisão.

A segurança patrimonial da organização não é uma responsabilidade única e exclusiva do departamento de segurança da organização.

A segurança patrimonial é responsabilidade de todos os colaborares da organização, e a politica de segurança visa formalizar esse compromisso.

Cada um de acordo com seu cargo e função tem uma parcela de responsabilidade para com a segurança patrimonial da organização.

Segurança é um direito de todos e responsabilidade de cada um.

 

Contribua com o artigo deixando seu comentário logo abaixo, ele é muito importante para o “Nosso Blog”!

Curta e compartilhe as publicações com seus colegas pelas redes sociais, assim estará colaborando para o fortalecimento e reconhecimento da importância da área de segurança.

Navegue em “Nosso Blog” e descubra outros artigos interessantes e úteis para o seu aprimoramento.

Obrigado pela visita e sucesso na sua carreira profissional!

José Sérgio Marcondes – Autor Artigo

Sobre José Sérgio Marcondes

Especialista em Segurança Privada - CES Consultor em Segurança Privada

2 Comentários

  1. Muito bom tem me ajudado bastante os vossos artigos.

Deixe um comentário...

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.