Home / Conceitos de Gestão / Planejamento Organizacional: O que é? Conceitos, Definição, Tipos

Planejamento Organizacional: O que é? Conceitos, Definição, Tipos

Planejamento Organizacional: O que é? Conceitos, Definição, e TiposO que é planejamento organizacional?

Planejamento organizacional é um processo que consiste em um conjunto de ações intencionais, integradas, coordenadas, necessárias e orientadas para tornar realidade um objetivo futuro, de forma a possibilitar a tomada de decisões antecipadamente e dar suporte as ações e atividades  durante o percurso para o objetivo proposto.

Planejamento é a função administrativa que determina antecipadamente o que se deve fazer e quais objetivos devem ser alcançados.

O planejamento é responsável por definir objetivos, metas e planos para a organização.

Em resumo: planejamento e ó ato de planejar, onde, planejar é definir objetivos e os meios para alcançá-los.

De acordo com o dicionário Aurélio, planejamento é:

Ato ou efeito de planejar. Trabalho de preparação para qualquer empreendimento, segundo roteiros e métodos determinados. Processo que leva ao estabelecimento de um conjunto coordenado de ações visando à consecução de determinados objetivos.

Planejamento organizacional pode ser definido como um processo organizacional onde o produto final são os planos organizacionais.

Elementos essenciais de um plano

O resultado de um planejamento (o plano) deve contemplar três elementos essenciais.

  • Objetivos e metas;
  • Meios necessários para realização (humanos, financeiros, materiais, informacionais e tecnológicos);
  • Mecanismos de controle (dispositivos  e indicadores de desempenhos que permitam o monitoramento durante a execução do planejado a fim de evitar desvios em relação ao estabelecido).

O Planejamento visa saber como está a situação atual, para onde se pretende chegar, como e  quando chegar.

Benefícios do planejamento organizacional

Um bom planejamento possibilita vários benefícios dentre eles:

  • Identificação e estabelecimento de objetivos e metas;
  • Possibilita a utilização dos recursos de forma eficaz e eficiente (economia);
  • Permite  a identificação de variáveis internas e externas relevantes;
  • Facilita a percepção de novas oportunidades ou riscos;
  • Define as responsabilidades e estimula o comprometimento dos envolvidos;
  • Determinar tarefas e prazos, viabilizando o controle e ajustes se necessário;
  • Da suporte para conseguir credibilidade e apoio financeiro, material e humano.

Tipos de planejamento organizacional

O planejamento se divide em três tipos, de acordo  com o nível organizacional: planejamento estratégico, planejamento tático e  planejamento  operacional.

Para o bom funcionamento da organização, é imprescindível que os três tipos de planejamentos estejam alinhados com os objetivos da organização.

TIPOS DE PLANEJAMENTOS

NÍVEL TIPO QUEM FAZ?POR QUE SE FAZ?
EstratégicoEstratégicoAlta Administração

Diretoria

Estabelecer diretrizes para organização
TáticoTáticoMédia administração

Gerencias e Gestores

Estabelecer diretrizes para unidades da organização
OperacionalOperacionalPessoal nível operacional Supervisão e liderançasEstabelecer diretrizes para grupos e pessoas

Planejamento Estratégico

O planejamento estratégico define a missão, a filosofia /valores, visão  e os objetivos da organização, considerando os fatores externos e internos.

  • Missão: finalidade e razão de existência da organização;
  • Filosofia e valores: aquilo em a organização acredita, conjunto de crenças;
  • Visão: aonde a organização quer chegar. O que elá desejar ser no futuro;
  • Objetivo: resultado que organização espera.

É onde são definidas as estratégias que serão adotadas a longo prazo pela organização para atingir seus objetivos e metas.

Nele devem estar as decisões de longo prazo que definirão como a organização vai se posicionar no segmento de atuação.

É o direcionamento estratégico que permite às organizações reagirem rapidamente às turbulências do meio ambiente que atuam, explorarem as oportunidades e desenvolverem novas técnicas de administração.

Se baseia numa análise das ameaças e oportunidades e uma avaliação das forças e fraquezas da
organização (análise de SWOT).

Enquanto a estratégia se preocupa em “o que fazer”, o planejamento estratégico se preocupa em “como fazer”.

O planejamento estratégico é responsabilidade da alta administração e abrange toda a organização.

Planejamento Tático

O planejamento tático também é conhecido como: planejamento administrativo, planejamento funcional ou planejamento departamental.

São planejamentos referentes  as diversas áreas funcionais da organização, que estabelecem objetivos e metas para as unidades da organização.

Possibilitam a realização do plano estratégico da organização.

São planos de média duração que abrange os departamentos da organização.

Os responsáveis pelo planejamento tático fazem parte dos níveis intermediários da organização: gerentes e gestores de departamentos, e abrange as unidades da organização.

São exemplos de planejamentos táticos

  • planos de marketing
  • planos de produção
  • planos financeiros,
  • planos de recursos humanos
  • planos de segurança etc.

Tem sua origem no detalhamento do planejamento estratégico  com a fixação dos objetivos e recursos necessários para o atingimento das estratégias organizacionais.

É através dos planos tático, administrativos ou funcionais que os objetivos estratégicos são realizados.

Planejamento Operacional

O planejamento operacional  são referentes  aos grupos, equipes e indivíduos da organização, que estabelecem objetivos e metas para as equipes e indivíduos.

Define as atividades e os recursos necessários para realização dos objetivos e metas da organização.

É um plano de curta duração que tem a função de controlar as rotinas de uma unidade da organização.

O planejamento operacional define as atividades e recursos necessários para a consecução dos planos estratégico e tático.

Roteiro Planejamento Operacional

(1) Identificação de atividades

(2) Programação

A programação consiste em distribuir a realização das atividades no tempo com a fixação de duração para cada uma delas e a ordem em que serão realizadas, através de planos de ação.

Basicamente elas são distribuídas em cronogramas, ferramenta muito utilizada para a distribuição das atividades no tempo como também para acompanhamento da sua realização.

Os responsáveis pelo planejamento operacional estão inseridos abaixo do nível tático. Incluem analistas, supervisores, coordenadores etc., que são responsáveis pela coordenação das rotinas.

Planejamento Organizacional Fluxograma

Estratégia Organizacional: Conceito. O que é?

Planejamento Organizacional Características

Planejamento Organizacional: O que é? Conceitos

Passos do planejamento organizacional

o planejamento pode ser condensado em quatro passos básicos e adaptado a todas as suas atividades e aos níveis organizacionais:

1 –  Estabelecer um objetivo ou um conjunto de objetivos.

O planejamento tem início com a definição sobre o que a organização ou uma subunidade deseja alcançar.

A identificação de prioridades e a determinação de seus fins possibilitam uma utilização eficaz dos recursos.

2 – Fazer uma análise situacional da organização em relação a seus  objetivos

Definir a situação atual, ou seja, analisar até que ponto a organização está afastada de seus objetivos e quais recursos e possui e necessita para atingir seus objetivos.

3 – Análise de Fatores Internos e externos

Identificar que fatores internos e externos podem ajudar ou criar problemas para a organização no alcance dos seus objetivos.

4: Elaborar um plano de ação com objetivo de atingir o(s) objetivo(s).

Envolve a determinação de diversas alternativas e a escolha da mais apropriada para se atingir os objetivos propostos.

 Por que o planejamento é  importante?

  • O planejamento identifica e esclarece o(s) objetivo(os) da organização;
  • O planejamento racionaliza o uso dos recursos disponíveis;
  • O planejamento – ou sua ausência – pode afetar o desempenho da organização.

O planejamento  deve estar embasado em informações conseguidas através de Brainstorm, pesquisas formais e informais e análise de riscos.

O planejamento deve ser flexível o suficiente pra permitir  correções ao longo do tempo conforme necessidade e e consistente o suficiente para impedir desvio que prejudiquem a conclusão do seu objetivo.

Contribua com o artigo deixando seu comentário logo abaixo, ele é muito importante para o “Nosso Blog”!

Curta e compartilhe as publicações com seus colegas pelas redes sociais, assim estará colaborando para o fortalecimento e reconhecimento da importância da área de segurança.

Navegue em “Nosso Blog” e descubra outros artigos interessantes e úteis para o seu aprimoramento.

Obrigado pela visita e sucesso na sua carreira profissional!

José Sérgio Marcondes – Autor Artigo

 

Sobre José Sérgio Marcondes

Especialista em Segurança Privada - CES Consultor em Segurança Privada

4 Comentários

  1. Achei muito interessante

Deixe um comentário...

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.